31 de jul de 2008

SPOILER: Teen Titans #61

Argumento: Sean McKeever
Desenhos: Carlos Rodríguez
Arte-final: Mark McKenna

Kid Demônio e Besouro Azul entram em batalhas contra Shockwave e demonstram ter mais dificuldade em conviver juntos do que em enfrentar o adversário. Eddie ainda tem ciúmes de Jaime com seus companheiros de equipe. Porém, importantes mudanças em Eddie o amadurecem e o fazem aceitar o Besouro com aliado e um novo amigo.

Com a saída da Devastadora, a equipe ficou cada vez mais fazia, o que leva Robin a fazer o tão esperado convite ao Besouro, que topa integrar a equipe como membro oficial na hora.. Nessa ocasião, Moça-Maravilha demosntra interesse em ver Ricardita e Aquagirl no grupo.

Na luta com Shockwave, Kid Demônio apresenta poderes muito parecidos com os de sua versão adulta, e por isso, resolve, mudar de uniforme e nome... Não em homenagem a sua versão do futuro, mas em homenagem ao Demônio Azul. Por isso, Kid Demônio não existe mais, de agora em diante, Eddie pode ser chamado de Demônio Vermelho!

OPINIÃO PESSOAL:

- A edição é muito boa, McKeever realmente está indo por um caminho cada vez melhor, mostrando a equipe e seus medos e inseguranças, sem perder a ação;
- O desenho não é de Barrows, mas mesmo sendo inferior, é muito bom;
- Muito bom o nascimento desta nova dupla, Demônio Vermelho/Besouro Azul........ Eu estava com medo que seguisse a linha Besouro Azul/Gladiador Dourado, que acabou virando piada nas páginas de LJ Internacional, mas a dupla está send0 escrita com muito respeito aos personagens.


15 comentários:

thiago disse...

Pô, Leo, cê realmente não gostava do Azul/Dourado? Eles eram muito mais que palhaços no grupo...acontece que a idéia da maioria das piadas era mostrar um modo dos personagens relaxar...como em um emprego qualquer, um alívio do stress do dia dia da equipe. Essas imagens de "palhaços" ficaram tanto tempo que praticamente tiveram que explicar a "piada" na mensal do Booster.

Tarcísio Aquino disse...

Eu adorei a edição! Só faltou o Barrows, mas a arte do Rodriguez também é excelente.
Eu gosto muito de estórias focadas em relacionamentos. Foi divertido ver a forma com que Jaime e Eddie ficaram amigos.
E McKeever realmente está mostrando para o que veio. Já deu a deixa de aumentar a equipe e desenvolveu muito bem o Red Devil.
Nota: 9

Tarcísio Aquino disse...

E eu A D O R A V A a dupla Gold and Blue.

thiago disse...

Também curti bastante a edição, achei melhor do que a focada na Megan. Foi bem relevante pra ambos os personagens e foi legal ver a Wonderbitch não tão enjoada. Só não curti mesmo os desenhos, tem hora que parece que o rosto dos personagens tá derretendo mas felizmente o Barrows volta na próxima.

Ainda não sei como vão encaixar o sistema de cotas da Milestone no UDC e entrada do Static no TT o que ainda me preocupa um pouco.

Ah, o uniforme novo do RD ficou muito tosco mesmo.

Tarcísio Aquino disse...

Eu também não gostei do uniforme novo! Eu sei que a bota não era para estar ali!

Quanto ao Static, eu não estou me preocupando, não! A DC já foi bem sucedida em fusão de Universos Editoriais no passado. Acredito que isso será legal agora também, tanto com a Milestone quanto para a Archie.

Eu, na verdade, estou gostando da adição do Static.
Em TT 59, quando a Fever diz à Megan que lutou com alguém com poderes elétricos, eu logo pensei na Livewire, mas tenho quase certeza de que se trata do Static. Tanto que o Sean disse que há pistas sobre ele no arco "Terror Titans".

Talvez ele apareça na mini do grupo vilão.

Este título está muito bom!

thiago disse...

Hm, não tinha notado esse comentário da Fever...é, se os personagens estiveram cativos do Dark Side Club até que faz sentido sim
O caso das fusões editoriais anteriores até que foi fácil (terras paralelas e etc), o caso da Archie também não vejo muito problema, o problema é mesmo a Milestone: Dá pra colocar gente como o Static na boa, assim como aquela empresa e o Hardware, uma vez que não é difícil de tacar eles em algum canto. O problema é que tem personagem lá que se não for cuidado vai ser tornar uma versão "minoria" do resto do UDC, como o a caso do Icon.

Ah, sobre a edição também, faz falta notas de rodapé explicando certos fatos pro novos leitores como quem são o The 100 e etc. Só quem é capaz de notar de primeira, sem pesquisar, é quem leu a fasa da liguinha e a antiga mensal do Booster.

Rodrigo Broilo disse...

Eu gostei mais do uniforme vendo agora do que o mostrado na imagem das sombras! Lá ele parecia mais um cigano!
Mas a melhor peça é o cinto!

Legas a mudança de nome tb! Detalhe: esse é o nome da versão futura dele !

Ed Ferreira disse...

Yep, desde a edição #50 eu estava com uma péssima impressão sobre a presença do Jaime na revista (principalmente por causa das falas que foram modificadas em relação as versões originais vistas em Blue Beetle #18). Mas depois de ler Teen Titans #61, eu tenho que dar a mão a palmatória. O Sean Mc Keever finalmente começou a fazer juz ao personagem.

Minha única crítica: como se não bastasse o Red Devil se parecer com o Noturno e usar um uniforme que lembra o dele, agora também pode se teletransportar (mesmo que seja através de portais).

Sobre o Static, o DiDio disse numa entrevista que antes que ele possa se unir aos Titãs, haverá "terror" no caminho dele.

Sobre Blue & Gold, eu também adorava eles. Na verdade, em qualquer super-grupo (ou filme, ou seriado, ou desenho) o meu personagem favorito geralmente é o humorista (ou "metido a engraçadinho", ou alívio cômico) do grupo. Mas, na minha opinião, o problema começa quando o autor acha que para um personagem ser engraçado ele tem que obrigatoriamente se encaixar em pelo menos uma das seguintes alternativas:

A)Incompetente;
B)Fracote;
C)Burro;

A dupla Blue and Gold não era assim (mesmo que tenha criado fama), mas eu achava que o Jaime nos Teen Titans ia por esse caminho. Fico muito feliz em ter me enganado.

Rodrigo Broilo disse...

E me agradei da Cassie cogitar Mia e Lorena pra equipe!
Cassie subiu mais no meu conceito!
hehehe

thiago disse...

Esqueci de comentar antes mas...como o RD tava indo de um canto pro outro assim tão rápido? Tava com alguem jato da equipe? O cara foi de San Francisco ao Novo México em questão e de minutos...bem, depois ele teve a desculpa dos "BAMFS" dele, mas antes? Que loucura isso!

Só agora percebi que ele tá de bota também...que tosco...

Rogerio disse...

Que roupinha mais "vem-cá-meu-puto"! E com aqueles chifres no cinto, quando ele se abaixar vai furar a barriga! Conseguiram enfeiar ainda mais o capeta!

thiago disse...

Essa roupa parece coisa do Andy Warhol, huahuaha! Se tivesse um ziper seria perfeita pra uma capa do Velvet Underground.

Ed Ferreira disse...

Naquela parte, perto do final, quando o Robin chega pra reunião, alguém entendeu o que era aquilo na mão dele?

Pra mim pareceu uma capa (da Salteadora ou do Batman), mas tenho quase certeza que é referência a alguma história do arco Batman R.I.P.

thiago disse...

Na verdade não tem nada na mão dele, aqui é o pé do BB que tá em cima da mesa (perceba que no outro quadro ele os tira de cima da mesa), acontece que foi mal desenhado mesmo, ficou parecendo um pedeço de pano ou capa mesmo...até porque não é aquele o design real dos pés deles (assim como o da máscara é muito diferente quando desenhado em TT comparado com o título solo dele).

Ed Ferreira disse...

Obrigado pela informação. A imagem ficou tão esquisita que nem sei se eu ia conseguir perceber sozinho.