5 de jun de 2009

Pai vs. Filho

Que o relacionamento de Slade com seus filhos foi um fracasso todo mundo sabe, mas ninguém podia esperar um imagem como essa. Slade Wilson matando seu filho Joey Wilson, o Jericó, nos momentos finais da saga Titãs Caçados. Uma das imagens mais chocantes do universo titânico até hoje. E como se não fosse o suficiente, na edição seguinte, Arella e Danny Chase matam a Ravena. Mas desta vez, justiça seja feita, Slade estava realmente sem opção, e fez isso a pedido de Joey...........

Edição: New Titans #83 (1992)
Argumento: Marv Wolfman
Desenhos: Tom Grummett
Arte final: Al Vey

5 comentários:

Bugman disse...

Eu lembro que após essa página - que era a última - a contra-capa da revista era toda negra, sem o expediente ou propagandas. Muito bem feita.

Foi realmente um momento chocante. Agora com vc relembrando a morte da Ravena, eu me pergunto se não ficou meio banalizado depois. A morte do Jericó já era chocante o bastante, especialmente pelas reações dos titãs depois.

Kid Leo disse...

Sim, eu acho que a morte da Ravena ficou completamente sem fundamento.... Mas acho que o pobre do Marv já tava meio se perdendo... Tava um bagunça, personagens novos, velhos, muito velhos, e mais a tropa titãs com todo o universo do futuro..... Isso deve ter pirado o cabeção do Marv que cometeu as loucuras que fez em Titans Hunt....

Ed Ferreira disse...

Quase todas essas loucuras (Tropa Titã, retorno de Terra, Vic Robô...) foram impostas ao Marv pelo novo editor que assumiu o título nessa época. A própria morte da Ravena só aconteceu pra ela voltar corrompida mais tarde (porque o editor queria ela como vilã).

Tirando o selo Vertigo, quase tudo nos quadrinhos dos anos 90 foi assim.

Kildare disse...

As mortes que realmente marcaram no universo dos titãs foram: Terra e Jericó. O restante foi balela!

Odonei disse...

Não esqueçam de sempre colocar as datas das publicações pra que quem não acompanha desde sempre possa compreender melhor. Parabéns à Torre!