24 de set de 2010

Questão de Opinião: A influência e importância das Garotas Morcego

Os Homens-Morcego estão aumentando em número e se incorporando. É a premissa de Batman Inc. Como Batman mesmo, só sabemos que há dois, por enquanto: o original Bruce Wayne, e seu primeiro e mais famoso pupilo, Richard “Dick” Grayson.

Dick foi se transformando ao longo de sua heróica trajetória deixando para trás a alcunha de Robin e a passando adiante. Hoje já estamos no quinto Robin. E a maior parte deles teve ligação direta com os Titãs, Como Dick e Tim Drake, e até Jason Todd, embora esse ainda gere controvérsias. E o quinto representante Robin, Damian Wayne, estará ligado com a nova Turma Titã IV, embora ainda não saibamos se como membro ou aliado. Mas a família Morcego já foi maior, e com garotas!

Ao longo da história nos foram apresentadas quatro interessantes garotas morcego, as Batgirls. Nenhuma delas, curiosamente, foi uma Titã, embora haja alguns “porém” aí. Mas todas elas tiveram uma forte ligação com nossas equipes favoritas de jovens heróis.

A primeira de todas nos é mais conhecida hoje, como Labareda, da primeira equipe de Titãs da Costa Leste. Bette Kane fora criada como Batgirl com um único propósito: mudar o cenário das histórias de Batman e Robin e tentar derrubar a aura homossexual que insistiam em ver nas histórias dos dois. Assim como Batwoman era para Batman, sua sobrinha Batgirl seria um par romântico para Robin. O que não durou muito tempo. E após a Crise na Infinitas Terras, sua origem fora mudada e ela passou a ser conhecida pela alcunha de Labareda, ou Flamebird no original (lembram de Pássaro Flamejante, a fiel parceira do herói kriptoniano Asa Noturna? Coincidências?). Tornou-se uma jovem tenista apaixonada por desafios e pelo Robin e que buscou se tornar uma Titã para conquistá-lo. Esteve entre os Titãs da Costa Leste, na curta Titãs L.A. e durante o Ano Perdido. Esteve até entre os Titãs da Costa Leste do Amanhã, adotando o codinome que fora de sua tia Kathy Kane, como Batwoman.

Criada com o inuito de “livrar” Robin da homossexualidade, hoje ela é prima da reformulada e homossexual Kate Kane, a nova e pop Batwoman. Bette iniciou como Batgirl, mas tornou-se famosa e Titã como Labareda, e para muitos fãs ela tem vaga garantida na Equipe dos Sonhos.

Mas ninguém pode negar que a maior de todas as Batgirl foi a sobrinha (ou filha) do Comissário Gordon, Bárbara Gordon (e não a sobrinha do Alfred, Alicia Silverstone). Bárbara teve uma carreira meteórica agradando a maior parte dos fãs, que mandavam cartas a editora pedindo que ela aparecesse em outros títulos e não só em Batman. Ao lado de Estelar, foi uma das mais importantes namoradas de Dick Grayson, e sua principal concorrente na preferência dos fãs. Barbara, porém, encontrou o Coringa em seu caminho, que com apenas um tiro, na estória “Batman: A Piada Mortal”, a impediu de continuar sendo a Batgirl.

Bárbara, então numa cadeira de rodas, tornou-se uma personagem revolucionária, conhecida como Oráculo. Reuniu um grupo de heroínas, e também heróis algumas vezes, conhecido como Aves de Rapina que teve seu próprio título, conhecido dos fãs brasileiros por integrar o mix da revista Novos Titãs da Panini.

Bárbara nunca foi uma Titã, nem como Batgirl, nem como Oráculo, mas sempre teve grande influência na vida de um Titã em especial, que vocês já sabem quem é.

A terceira a ostentar o título de Batgirl, essa sim foi uma Titã, da Costa Leste, do Slade, contra vontade!

Cassandra Cain, filha de Lady Shiva com o guerreiro assassino David Cain foi treinada para matar o vilão Ra’s Al Ghul desde a infância e, aos nove anos, rebelou-se contra o pai e fugiu, indo parar em Gotham, onde teve o potencial reconhecido por Bárbara e Bruce. Ao lado do terceiro Robin, Tim Drake, a terceira Bartgirl teve uma difícil missão: fazerem jus ao legado de Dick e Bárbara como a “família” do Batman. Depois de integrar os Titãs do Leste de Slade, uma importante equipe inimiga dos Novos Titãs, Cassandra integrou os Renagados de Batman, que fora uma importante equipe aliada dos Titãs.

Hoje Cassandra não é mais a Batgirl. Seu manto foi assumido por Stephanie Brown.

Stephanie foi uma personagem em evolução. Inicialmente a Salteadora, vigilante de Gotham, assim como o Robin Tim Drake, com quem inclusive se envolveu romanticamente, ela assumiu o manto deste, quando ele desistiu de ser Robin a pedido de seu pai, e se tornou a quarta Robin, primeira garota a usar essa alcunha. Inexperiente e descuidada, Stephanie “morreu” sendo Robin - o que deixou Tim Drake se sentindo culpado e o fez reassumir o cargo.

Tempos depois Steph voltou e revelou que não havia morrido, causando ainda mais desconforto em Robin que demorou a aceitar a idéia de que sua ex-namorada não estivesse mais morta. Steph voltou a ser a Salteadora, agora mais madura e experiente e quase foi uma Titã, participando do “recrutamento” de Novos Titãs #66 junto com Traci 13 e Marginal, uma das Aves de Rapina de Bárbara Gordon.

Stephanie tornou-se Bartgirl pelas mãos da própria Cassandra, e mais tarde contou com a aprovação e treinamento de Bárbara Gordon. Ainda possui uma boa relação com Tim Drake, atual Robin Vermelho, uma forte amizade com a ex-titã Supergirl, e conta com a ajuda em sua missões de Wendy Harris, antiga zeladora da Torre Titã, agora conhecida como Proxy.

Heroínas distintas, embora usando um mesmo nome, as Batgirls contribuíram e influenciaram os Titãs, principalmente aqueles que como elas, seguem o sinal do Morcego. Qual a sua Batgirl?

7 comentários:

Mad Zérro Blog disse...

Bàrbara com certeza.
Mais por ser uma forte presença nas hitórias do Batman justamnte por ter sido arrancada da vida de heroina. Batman jpa mensionoiu que ela mais do que ninguém gostava do trabalho. Logo o fato dela não ser mais batgirl torna a personagem com uma carga muito forte a ser trabalhada nas histórias!!

Nícolas disse...

A Cassandra foi a melhor Batgirl de todos(TODOS!!!!!!) os tempos!A Bárbara é melhor como Oráculo e a Stephanie fica melhor de Salteadora...

Noticias Que Você Viu, Mas Não Esquecerá disse...

embora Barbara tenha sido, sem duvida alguma, a maior batgirl, minha prefirida é a stephany, pela sua evolução ao logo dos anos,deixando para tras a ineperiente garota que vestiu o manto de salteadora para se vingar do pai bandido e tornado-se a batgirl.
acho que seria legal ela nos titans

Noticias Que Você Viu, Mas Não Esquecerá disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Soky disse...

Cara, contanto que a Barbara continue sempre ligada à nova Batgirl, não me importo com quem use esse manto. Adoro a Barbara! E estou curtindo as histórias da Steph como Batgirl. Sei lá, gosto dela...

Tarcísio Aquino disse...

Sempre gostei da Babs como Batgirl, mas já que ela é o 190 dos heróis, fico com a Cassandra, mesmo adorando a Steph como tal.

Kildare disse...

Nunca nem me interessei mesmo pelas outras Batgirls!

Pra mim, mesmo que isso nunca mais volte a acontecer, a única Batgirl é a Bárbara!