17 de mar de 2010

O Guardião - Jim Harper


Origem

Jim Harper cresceu como um menino pobre no beco do suicídio em Metropolis. Ele e seu melhor amigo Leo, às vezes se envolviam em pequenos furtos, mas depois de um tal ato, Jim foi capturado por um homem que se chamava Nat Milligan. Leo foi embora, e Jim nunca mais o viu novamente por anos.

Milligan acreditava que os meninos poderiam escapar da pobreza através da carreira como atletas, e ele treinou Jim ao longo dos anos subseqüentes, na esperança de transformá-lo em um campeão olímpico. Mais tarde, Jim descobriu que este homem era realmente Joe Morgan, que havia treinado o Átomo original e o Pantera.

Eventualmente, Jim Harper voltou ao Beco do Suicídio e descobriu que Leo havia se tornado um gângster. Quando Leo foi morto diante dos olhos Harper, Harper prometeu combater a maneira que o Beco do Suicídio destrói a vida das pessoas. Ele disse a Milligan que ele estava se juntando as forças policiais e Milligan caiu em desespero com a idéia de perder outro protegido.

Como um policial novato, Harper foi atribuído ao Beco do Suicídio, um dia quando de folga, ele foi espancado por bandidos que procuram vingança. Para se proteger, Harper obteve um traje, um capacete e um escudo antigo de uma loja de roupa e, de traje, capturou os bandidos.

O mascarado Harper chamou a si mesmo de Guardião, dizendo que ele era um "guardião da sociedade".

Mais tarde, o oficial Harper capturou quatro jornaleiros que estavam roubando uma loja de ferragens. Para evitar que sejam enviados para uma instituição, Harper convenceu o juiz a fazê-lo guardião legal dos quatro órfãos, que tiveram posteriormente muitas aventuras como a Legião Jovem. Os rapazes freqüentemente suspeitavam que Jim era o Guardião, mas eles nunca foram capazes de provar.

Durante a 2ª Guerra Mundial, o Guardião era um membro do All Star Squadron. Harper finalmente aposentou-se como o Guardian, quando um detetive becam Polic. Os membros da Legião Jovem, que agora já eram adultos, passaram a trabalhar no Projeto DNA, um laboratório de genética. Após ser baleado por um criminoso, Harper confessou a Legião Jovem que antigamente tinha sido realmente o Guardião.Harper morreu, mas no projeto DNA Cadmus, os legionários fizeram um clone de Harper, que Newsboys antigo que tinha sido realmente o Guardian. Harper morreu, mas no Projeto DNA Cadmus, os legionários fizeram um clone de Harper, que possuíam suas memórias. Esse clone se tornou o Guardião de Ouro.


Harper trabalhava com / para Cadmus e se desligava freqüentemente, e desempenhou um papel não tão pequeno, nos primeiros anos de vida do Superboy.

Mais tarde foi revelado que Jim é o tio de Roy Harper.

Jake Jordan usou o manto de Guardião de Manhantan por um tempo.

Por um tempo o Guardião era ativo, mas acabou morto. Havia um outro clone que começou a atuar, mas logo desapareceu junto com o resto do Cadmus, após uma altercação com Amanda Waller e o então presidente Lex Luthor estes assuntos se tornaram desconhecidos.

Possivelmente como resultado da Crise Infinita história dele foi alterada mostrando que o verdadeiro original Jim Harper não foi morto em ação, mas com um tiro na cabeça por Jonathan Drew após a descoberta de planos para clonar ele. Também foi revelado que o clone original de Harper sobreviveu e fugiu, deixando cedo, o Cadmus.Os Guardiões(s) vistos na época eram todos clones, que morriam em um ano. Jim Harper foi, de fato, para a cidade de Warpath perto da fronteira com o México, onde ele ajudou a oficial Greg Saunders, às vezes.

O clone do original Harper decidiu se mudar para Metrópolis e começou a viver com sua filha adotiva Gwen (um clone feminino dele, que ele salvou), ele foi convidado a juntar-se à Polícia Ciência após as mortes de dois dos seus funcionários nas mãos de dois novos criminosos de Krypton, convidado pela Oficial da P.C Rachel para substituir os dois policiais mortos. Jim Harper agora serve a Polícia Cientifica como o comandante de campo. Superman que estava deixando a Terra para ir ao abrigo, em Nova Krypton pediu a Jim Harper para ser o mentor do amigo do Superman, Mon-El, que havia se tornado o herói de Metropolis temporariamente durante a ausência do homem de aço.

Alem de ser tio de Roy Harper, Jim é tio-avô de Billi Harper, uma oficial de Gotham City que foi transferida para a Policia Cientifica de Metropolis onde trabalha para o clone de seu Tio-avô, ou seja, Billi é prima de 2º ou 3º grau de Roy Harper.

A verdade

Quando Jimmy Olsen investigou o misterioso Codinome: Assassino, as pistas o levaram diretamente ao Cadmus. Lá, ele descobriu a verdadeira identidade do vilão era Jonatham Drew, um ex-segurança do Cadmus e responsável pela morte do Guardião original. Naquele tempo, o herói soube que o Projeto estava utilizando amostras de suas próprias células para clonagem. Então, Drew o assassinou.

Jimmy também descobriu que o Guardião não era apenas um clone, mas uma série deles com memórias falsas implantadas. Originalmente, Harper pensava que estava doando células para a cura do câncer. Embora o Guardião tenha sido uma sucessão de intermináveis clones, houve um "primário" que cuidava de uma cidade dormente com o escudo e elmo do Guardião clássico.


Nenhum comentário: