29 de jul de 2010

SPOILERS - Resenha de TITANS #25


Darkness Fall

Roteiro: Eric Wallace
Arte: Fabrizio Fiorentino
Cores: Hi-Fi
Editor: Brian Cunningham

Resenha

Como visto na última edição, o Exterminador se encontra no subterrâneo de Midway City, onde Lex Luthor descobre que um transmorfo estava se passando por sua segurança, enquanto o Exterminador está tentando caçá-lo. O restante do grupo está nas ruas, tentando saber onde Slade se encontra, quando explosões da luta abaixo lhes dão a dica de seu paradeiro.

As coisas parecem piorar quando Osíris pensa estar enfrentando Slade, argumentando saber que não deveria confiar no líder, mas se espanta ao perceber que não era o Exterminador, na verdade era Facade. Em seguida, inexplicavelmente, o transmorfo, ainda na forma do Exterminador, é dividio ao meio por uma adaga (talvez vinda do Tatuado, devido à cor púrpura).

Porém, Facade também possui a capacidade de se regenerar e se reintegrar, transformando-se, agora, em Lince. Neste momento, não se sabe ao certo qual das duas seria a verdadeira Safira, então, Slade decide atirar em ambas, revelando a real, muito ferida. Lince reclama do ocorrido, mas Slade acaba sendo duro com a companheira, argumentando que ela continua fraca e se lamentando pela morte da filha. O mercenário pensa que talvez tenha sido muito duro com a mulher, mas acha que isso seja necessário, pois ela deve estar pronta para o que ele planeja.

Em seguida, com a captura de Facade, Luthor o leva sob sua custódia e ameaça seus colaboradores sobre usar seus próprios experimentos contra si. Assim, é revelado que Facade era uma das cobaias científicas do rico vilão. Osíris, por sua vez, retorna à sala onde se encontra as estátuas de Adão Negro e Ísis, percebendo que a estrutura em sua irmã está se rompendo, recebendo isso como um sinal dos deuses egípcios. A edição termina com Amon ajoelhado entre as estátuas pedindo auxílio a sua irmã para entender como ajudá-los, enquanto um símbolo da Lanterna Branca aparece sobre ele.

Opinião

A arte continua fabulosa! Fiorentino consegue caracterizar cada personagem perfeitamente. As cenas de ação são incríveis.

Em relação ao roteiro, continuamos a notar que Wallace se mantém cuidadoso com as pistas sobre o verdadeiro plano de Slade. Na verdade, acredito que todos os arcos, incluindo este e os futuros, serão apenas entretenimento vago para o último arco do grupo - a revelação dos objetivos do Exterminador.

Nada mais a acrescentar sobre a edição, de leitura rápida e sem muitas novidades. Mesmo me agradando com estas estórias, continuo aconselhando de que o jeito é aguardar o modo "café com leite" do roteiro.

Nenhum comentário: