29 de jan de 2011

O Coringa


A identidade do maior vilão do Batman até hoje é um mistério. O pouco que se sabe do Coringa é que ele trabalhava numa indústria química, porém largou tudo para se tornar comediante. Com o fracasso da nova carreira e preocupado em como sustentar sua mulher grávida na época, ele se envolveu com o submundo do crime. O futuro Coringa aceitou guiar dois ladrões para roubar a fábrica de baralhos ao lado da indústria em que trabalhava. Entretanto, no dia combinado sua esposa foi eletrocutada num acidente doméstico e faleceu. Desanimado, o futuro Coringa quis desistir, mas foi pressionado a manter sua palavra.

Disfarçado como Capuz Vermelho, ele guiou os criminosos, porém, seus companheiros foram mortos por guardas e ele passou a ser perseguido pelo Batman. Desesperado, durante a fuga, caiu num tanque de lixo químico e, quando removeu o capacete, descobriu que os produtos químicos, além de terem desbotado sua pele, deixando-a branca, havia tornado seus cabelos verdes e os lábios fortemente avermelhados. Além do limite da sanidade, o pacato homem enlouqueceu e com isso o Coringa nascia naquele momento. Vale ressaltar, que o vilão revelou que a loucura o fez esquecer seu passado e essa talvez não seja sua origem verdadeira.

Denominando-se Coringa, o “Príncipe Palhaço do Crime”, ele passou a cometer uma série de crimes brutais sem lógica aparente. Ao longo dos anos, seus complicados planos sempre foram frustrados pelo Batman. Pelos anos, o vilão cometeu atos maléficos, chegando a matar cerca de 2000 pessoas. Além dos crimes, o Coringa baleou Bárbara Gordon, a Batgirl, deixando-a tornou paraplégica; assassinou Jason Todd, o segundo Robin, usando um pé de cabra e explosivos; assassinou Sarah Gordon, esposa do Comissário Gordon durante o período em que Gotham ficou conhecida como “Terra de Ninguém” após um terremoto; e assassinou também Alex Luthor Jr da Terra 3 no fim da Crise Infinita.

Enfrentou os Novos Titãs quando estes se reagruparam sob o pedido de Ravena.

O vilão também já teve uma parceira, a doutora Harleen Quinzel, que se apaixonou pelo Coringa quando ela trabalhava como psiquiatra do vilão no Asilo Arkham. A moça assumiu a identidade de Arlequina e passou a trabalhar com o louco vilão. Porém, tudo acabou mal quando o “ pundinzinho”, apelido do Coringa dado por Quinzel, jogou a moça num foguete. Posteriormente, Arlequina passou a trabalhar com Hera Venenosa.

Mesmo não possuindo poderes, o vilão já apresentou ser perigoso para toda a estrutura do universo, quando o Sr Mxyzptlk lhe deu acidentalmente poderes de controlar a realidade. O príncipe palhaço do crime alterou toda a realidade como queria, porém, não conseguia se livrar de Batman. Usando essa fraqueza, o vilão foi derrotado e o universo voltou ao normal quando os poderes voltaram ao duende da 5ª dimensão.

Recentemente, após ser baleado na cabeça e ter sobrevivido, presencia a morte de Batman e o surgimento do novo Cavaleiro das Trevas, se disfarçou como o detetive inglês Oberon Sexton e ao mesmo tempo como Domino Killer, que assassinou membros da Luva Negra um por um, até ser confrontado e capturado pela Batfamília.

Nenhum comentário: