17 de fev de 2011

Arlequina - Harleen Quinzel


A jovem psiquiatra do Asilo Arkham, Harleen Quinzel se apaixonou pelo Coringa. Com isso ela ajudou o vilão a escapar e se tornou companheira de crimes insanos. Mas Coringa, a quem ela chamava de Pudinzinho, logo se cansou de todo esse carinho e tentou se livrar dela colocando-a em um foguete. O foguete acabou caindo na base da Hera Venenosa, que a salvou, assim se iniciou uma grande amizade.

Após muitas aventuras e ter voltando ao Asilo por conta própria ela ainda estava à beira da loucura, mas aparentemente curada. Seu pedido de liberdade condicional foi rejeitado por Bruce Wayne, membro da condição médica do Arkham. Assim, ela acabou sendo sequestrada por Sugar, a versão feminina do Ventríloquo, que lhe ofereceu um serviço.

Arlequina recusou o serviço em respeito à memória de Arnold Wesker, o Ventríloquo original, e assim ajudou Batman e o Comissário Gordon a capturar Sugar. Apesar da fuga da nova Ventríloquo, Wayne impressionou-se com o esforço de Arlequina e lhe acaba concedendo a liberdade condicional.

Harleen foi brevemente membro do Sexteto Secreto e,, mais tarde, abandonou sua fantasia e entrou para o Abrigo de Mulheres de Atenas de Metrópolis, que na verdade era um centro de treinamentos para a futura equipe das Fúrias Femininas da Vovó Bondade. Neste lugar acabou se tornando parceira de Holly Robinson, a antiga substituta da Mulher-Gato.

Ambas foram levadas até a Ilha Paraíso por "Athena” (na verdade a Vovó Bondade) e foram treinadas como amazonas. Porém, acabaram descobrindo toda a verdade sobre a Vovó Bondade juntas a Mary Batson, na época sem poderes. Após Mary ouvir os Deuses do Olimpo, que estavam presos em Apokolips, as três jovens rumaram para o planeta, onde após a libertação dos Deuses, cada uma foi agraciada com poderes divinos. Harley acabou recebendo uma porção dos poderes da musa da comédia Thalia. Ao voltarem à Terra, os poderes de Harley e Holly acabaram. Recentemente, Harley está vivendo aventuras junto a Hera Venenosa novamente.

Nenhum comentário: