19 de fev de 2011

Duplo – Jeremy Tell

Depois de pirar num cassino, Jeremy Tell assassinou um apostador vencedor no estacionamento. Nesse exato momento, um baralho voou da jaqueta da vítima para cima de Tell. As cartas entraram na pele dele e com isso, as cartas se tornaram parte de seu corpo.

Não se sabe como ou por quê, mas há teorias que as cartas são mágicas já que Jeremy diz serem amaldiçoadas. Jeremy, então, passou a ser o criminoso conhecido como Duplo.

Após escapar de Iron Heights, Duplo foi contratado junto a Viga pelo Pingüim para ajudá-lo a estabelecer um reino de crime em Keystone City. A dupla acabou sendo derrotada por Wally West e Asa Noturna.

Posteriormente, Duplo se tornou membro da Galeria de Pião, quando estava sob controle mental dele. Mais tarde, foi raptado pelo Esquadrão Suicida e, durante a Crise Final, o Trapaceiro citou Duplo ao dizer que apostou uma grana com ele sobre o destino da Galeria de Vilões. Duplo apostou que a Galeria havia sido presa pelos Titãs na Torre Titã, o que não aconteceu.

Poderes & Habilidades

Sua pele é composta de um baralho de cartas “amaldiçoado”. Ele pode remover e controlar as cartas psionicamente. Suas cartas são afiadas e podem cortar até mesmo o Superman, o que indica que as cartas são mágicas.

2 comentários:

Nícolas disse...

O nome dele num é Pôquer?
E ele num ataca o Flautista em "Epidemia"?

Gustavo "Antimonitor" Sleman disse...

Nas histórias da Panini ele foi nomeado como Duplo.