1 de mar de 2011

Batman - Bruce Wayne

Considerado por muitos Gothamitas como sendo uma “lenda urbana” criada pela superstição e o medo das ruas escuras da cidade, Bruce Wayne sabe muito bem que o Batman é uma realidade fria e dura de sua própria criação. Desde a morte dos seus pais no temido “Beco do Crime” de Gotham, Wayne passou sua vida perseguindo a perfeição física e mental a fim de empreender uma dura guerra contra o crime. Vigiando as ruas de Gotham sobre seus gárgulas e parapeitos, o Cavaleiro das Trevas é a última esperança da cidade contra o mal. E é essa obsessão que dita os caminhos do Batman, devido ao juramento feito por Wayne que nenhum outro inocente iria sofrer a dor que ele sentiu.

Embora o Batman deteste trabalhar em grupo, ou até mesmo com metahumanos, ele sempre reconheceu os benefícios de tais alianças. Relutantemente, se tornou membro não oficial da Liga da Justiça da América e lutou ao lado dos demais membros durante vários anos, normalmente como “membro reserva”. Batman se desligou definitivamenta da LJA quando seus membros recusaram-se a viajar até uma pequena nação européia chamada Markóvia para resgatar seu amigo Lucius Fox. Isto forçou Batman a criar os Renegados, onde atuou como líder durante um período. Após deixar os Renegados, retornou para a Liga a pedido do Caçador de Marte para guiar os novos membros da equipe.

O Cruzado de Capa foi em seguida, co-fundador da nova encarnação Liga da Justiça e tornou-se seu primeiro líder, uma posição que passou para o Caçador Marciano logo depois da Liga ganhar o status de internacional.

Quando o Bane destruiu o Asilo Arkham e soltou todos os seus pacientes sobre Gotham, Bruce Wayne aprendeu que sua obsessão era maior do que ele podia resistir. Chegando ao limite da exaustão para recapturar os mais perigosos internos de Arkham, Batman caiu direto na cilada armada por Bane, que havia deduzido sua identidade e tinha invadido a santidade da Mansão Wayne e a da Batcaverna. Lá, cercado por todos os troféus e armas da sua cruzada, Bruce Wayne foi derrotado, sua coluna dorsal quebrada e seu espírito destruído. Aleijado e lançado em uma cadeira de rodas, o humilhado Wayne passou para Jean Paul seu manto e iniciou uma árdua busca para recuperar suas forças e sua vontade de lutar, chegando inclusive a chamar a bela, porém, mortal Lady Shiva para treiná-lo novamente nas habilidades marciais em que havia levado anos para dominar.

Ao saber que Valley havia se tornado uma versão violenta e mais sombria do Batman, Wayne retornou a Gotham para recuperar, à força, seu manto de Cavaleiro das Trevas. Logo depois disso, Bruce Wayne partiu de Gotham mais uma vez, deixando a guarda da cidade nas mãos de seu antigo parceiro Dick Grayson por um breve período. Quando Wayne finalmente retornou, era para ficar, adotando um visual mais sombrio e um arsenal renovado para refletir as mudanças que havia ocorrido em seu corpo e em sua mente após o ataque sofrido por Bane. Desde então, retornou à noite de Gotham e tentou reconstruir sua vida como Bruce Wayne e Batman, além de reafirmar seus laços com Tim Drake, Dick Grayson e Alfred.

Após a dissolução das Ligas Internacionais, Batman, aliado a Superman, ajudou a dar forma na atual LJA, onde permanece até hoje como membro ativo, apesar de preferir permanecer longe dos olhos do público. Embora muitos membros de LJA achem o Batman um tanto severo, nenhum deles nega seu valor à equipe.

Depois que Gotham City foi arrasada por um terremoto e um ano extenuante passado por trás das linhas de defesa da Terra de Ninguém (TDN), Batman foi forçado a reexaminar seus métodos, bem como o relacionamento com seus aliados na guerra contra o crime. Ainda dedicado à sua cruzada pessoal, o herói reconheceu que sua causa não precisava mais ser tão solitária. A TDN ensinou-lhe a depender mais de seus parceiros freqüentes como: Asa Noturna, Robin, Oráculo e Azrael, e mostrou-lhe o valor da nova Batgirl.

No momento em que Gotham começou a se reerguer dos escombros da Terra de Ninguém com redobrada esperança, o Homem-Morcego resgatou seu uniforme original, usando-o como um símbolo de seu compromisso com a defesa dos cidadãos. Embora possa parecer que ele tenha se tornado um anacronismo na “Nova Gotham City”, Batman sabe muito bem que a ameaça do crime está longe de acabar.

Como resultado do caso em que Bruce Wayne foi considerado fora da lei e acusado de assassinato, Batman e seus aliados uniram ainda mais suas forças, transformando-se na mais eficaz equipe de combate ao crime que já existiu.

Batman é uma criatura noturna fria e justiceira. O Cavaleiro das Trevas só tem um objetivo: cumprir com o juramento que fez sobre o túmulo de seus pais, há mais de vinte anos. Batman simplesmente não tolera nenhuma forma de injustiça. Sua personalidade intensa e dominadora perturba seus companheiros da Liga da Justiça, apesar de gostarem de sua presença na equipe. Batman é, de longe, o herói mais experiente e estrategista vivo, e suas habilidades especiais já salvaram a Liga da Justiça em inúmeras ocasiões.

Nenhum comentário: