12 de mar de 2011

Homem-Borracha - Eel O'Brien


Um jovem delinqüente, conhecido pelo nome de Eel O'Brien, vivia na marginalidade, convivendo com terríveis criminosos do submundo. Em uma de suas ações criminosas, Eel foi atingido acidentalmente por um estranho ácido, até então desconhecido, que se encontrava em um tonel. A partir daí, ele adquiriu o poder de se esticar e criar formas inusitadas com seu corpo. Com esta recém-adquirida característica, O’Brien assumiu sua nova personalidade como Homem-Borracha e renunciou a sua vida de vagabundo, passando a dedicar seus poderes a serviço da lei e da justiça, sempre se transformando em formas espantosas no combate do mal.

Criativo e versátil, ele banca o herói pelo puro prazer da aventura. Mas, apesar do jeito maluco, (normalmente para irritar seus adversários) encontramos nele a vontade de fazer a coisa certa. Como membro da Liga, o senso de humor de Eel O’Brian pode servir para aliviar a tensão das reuniões e missões da equipe - isso se ele sobreviver às conseqüências de se fazer passar por mobília nos aposentos da Mulher-Maravilha, ou imitando o Batman.

Eel revelou ao Batman possuir um filho, fruto de uma aventura amorosa. Aparentemente o menino herdou os poderes do pai e integrou os Titãs na fase "Um ano depois".

Recentemente, o Homem-Borracha foi seduzido por Eclipso e passou a cometer crimes. Antes de voltar a cometer os delitos, o herói procurou seu filho para saber se ele havia sido um bom pai. Ernie foi sincero ao dizer que ele não foi um pai presente e, então, brigaram. Em seguida, Ernie ajudou Batman a tentar conter seu pai, em uma das ações criminosas em Gotham. Decepcionado, Ernie demonstrou toda sua revolta contra seu pai.

Em seguida, Homem-Borracha voltou à Liga da Justiça para ajudar a equipe, que passava por uma crise entre seus membros e estava sendo liderada por Víxen, contra um plano do Dr Amos Fortuna e Roleta, que envolvia a Gangue de Espadas. Foi questionado sobre sua eficácia pela Doutora Luz (Kimiyo Hoshi), e os dois acabaram discuntido, sendo separados por Vixen. Mais tarde, após a derrota da Gangue de Espadas, Doutora Luz percebeu que Homem-Borracha é alguém importante para a LJA e os dois acabaram fazendo as pazes.

Quando a Liga, formada por Oliver e Hal, procurava Prometeus, Eel acabou tendo um confronto com o vilão, que danificou seu corpo elástico. O ataque fez com que o corpo do herói não funcionasse de maneira correta.

Vixen acabou se reunindo na velha caverna de Happy Harbor com o Homem-Borracha, Dra. Luz e Tornado Vermelho com o objetivo de reunir a Liga com todas as forças que restaram, mesmo com os últimos acontecimentos do Universo DC.

Durante a Noite Mais Densa, Borracha teve seu coração arrancado pelo Lanterna Negro Vibro, aparentemente matando-o. No entanto, devido aos seus poderes, ele foi capaz de sobreviver ao ataque, embora gravemente ferido.

Foi visto recentemente ajudando uma grande coalizão de heróis em uma missão fracassada de rastreamento de Maxwell Lord.

Nenhum comentário: