8 de jan de 2012

Fairchild

Nome: Dra. Caitlin Fairchild

Status no grupo: Aliada

Conexões: N.O.W.H.E.R.E. • Superboy •

Informações: A simples garota Caitlin Fairchild adquiriu superpoderes quando seu fator genético, conhecido como Gen-factor, foi ativado, proporcionando-lhe super-força, agilidade, velocidade e resistência. É a líder não-oficial do grupo jovem de super-heróis conhecido como Gen¹³ e considerada o membro mais forte e inteligente do grupo. Ela também é irmã de Roxanne Spaulding, conhecida como Queda-Livre.

Imagem Recente:


História

Origem

Caitlin Fairchild é filha de Alex Fairchild, do Team 7, e meio-irmã de Roxanne "Roxy" Spaulding (Queda-Livre). Ela se tornou uma brilhante jovem uma vez que suas habilidades acadêmicas a levaram a ingressar-se na Universidade de Princeton. Lá, ela se graduou em Ciências da Computação e Engenharia Elétrica. Durante os primórdios na universidade, Caitlin fora recrutada para o Projeto: Gênesis, o que ela acreditava ser algum aprimoramento universitário do governo.

Caitlin Fairchild como estagiária do Prejeto: Genesis em Gen¹³ [1994]

Gen¹³

Certa noite, Caitlin sentiu-se mal (devido a algumas drogas desenvolvidas para ativar suas habilidades Gen-active latentes) e, ao procurar alívio, encontrou seus futuros amigos Grunge e Roxy em uma sala restrita. Enquanto Caitlin analisava os arquivos sobre a verdadeira natureza do Projeto: Genesis, um guarda descobriu os três na sala. Inicialmente, ele atacou Caitlin, aparentemente deixando-a inconsciente, mas no momento em que se preparava para atacar Grunge e Roxy, foi surpreendido pela ira da ruiva, exatamente no momento em que suas habilidades Gen-active foram ativadas. Em segundos, ela se transformou em uma grande mulher, detendo facilmente o guarda. Devido ao drástico crescimento, suas roupas foram completamente danificadas (algo comum em sua vindoura carreira super-heróica).

O Grupo Gen¹³, composto por Fairchild,
Granizo, Queda-Livre, Grunge e Queimada

Em seguida, Caitlin, Grunge e Roxy decidiram que deveriam fugir do Projeto: Gênesis. Durante a fuga, eles foram unidos a outros dois Gen-actives conhecidos por Bobby Lane (Queimada) e Sara Rainmaker (Granizo). Mesmo com seus esforços, eles teriam fracassado com a fuga não fosse a intervenção do diretor das Operações Internacionais, John Lynch.

Decidindo ajudar os garotos, Lynch se voltou contra a organização e ajudou os adolescentes a se estabelecerem em San Diego, Califórnia, onde ele adquiriu um luxuoso esconderijo para os garotos em La Jolla. Sob a tutela de Lynch, os cinco jovens se afeiçoram e se tornaram o grupo conhecido como Gen¹³, adotando codinomes heróicos, exceto Caitlin, que decidiu manter apenas seu sobrenome. Lynch, mais uma vez, prometeu aos jovens a fazer a diferença no mundo e a encontrar seus pais, além de garantir-lhes uniformes especiais (embora Grunge e Queda-Livre sempre terem usado roupas civis em seus próprios estilos). Fairchild adquiriu um uniforme especial que pudesse acomodar seu poder.

Quando Lynch desapareceu, o pai de Caitlin - Alex Fairchild, assumiu o papel de mentor do grupo. Assim, o grupo se mudou para Florida Keys, onde Roxy e Caitlin descobriram que Alex era pai de ambas, tornando-as meio-irmãs. Infelizmente, a reunião em família durou pouco, pois Alex foi assassinado ao proteger suas filhas e o restante do grupo do vilão Tindalos. Em seguida, Caitlin assumiu de vez a liderança do Gen¹³, uma vez que Lynch ainda continuava desaparecido.

Assim que retornou, Lynch revelou ser o pai do Queimada. Em meio a tantas aventuras, o grupo se viu em meio a explosão de uma bomba de 6 megatons, sendo dado como morto. Fairchild fora a única sobrevivente e passou a mentorar um novo grupo de Gen¹³. Entretanto, na verdade, este grupo foi revelado existir em uma realidade similar ao universo Wildstorm, exceto em seu ponto de divergência. O restante do grupo original estavam vivos e, após uma viagem temporal para impedir a "detonação" da bomba que os matara, o grupo se reagrupou na realidade oficial.

Armagedon

Após os eventos de Capitão Átomo: Armagedon, a origem do grupo foi modificada, sendo criada pela corporação conhecida por Tabula Rasa, sob a liderança do sádico Dr. Cross. Caitlin e os outros, na verdade, eram a décima terceira geração de seres geneticamente criados para uso particular da Tabula Rasa e de seus clientes. Isto foi revelado ao grupo quando foram tirados de suas famílias, que eram empregados da organização. Os jovens, entretanto, escaparam das garras do Dr. Ross e formaram o Gen 13, mas acabaram se deparando com um mundo futurístico.

Novo 52

Devido aos eventos acontecidos em Flashpoint, os mundos Wildstorm e DC se fundiram. Como consequência, Caitlin Fairchild - a Ruiva - agora lidera uma equipe de cientistas de uma organização conhecida como N.O.W.H.E.R.E. e, aparentemente, nunca fez parte do Gen¹³. A Dra Caitlin é responsável pelas pesquisas que analisam os poderes do clone conhecido como Superboy, tentando ajustá-lo ao mundo em que vivemos.


ACIMA: Fairchild revela todo seu poder contra o Superboy
em SUPERBOY #03 [2011]
ABAIXO: Fairchild lidera o grupo Ravagers, composto por
Ridge, Beast Boy, Terra, Thunder e Lightning.


Poderes & Habilidades


A ativação do Gen-factor de Fairchild causou-lhe poderes de aumentar exponencialmente sua força física, estatura, densidade, resistência, agilidade, reflexos, transmutação, além de ser grande lutadora corpo-a-corpo e possuir grande intelecto e liderança.


Leitura Essencial


Deathmate #2 [1993]: Primeira aparição de Caitlin Fairchild.

Gen 13 [1994 - 2004]: Volumes de edições do Grupo Gen 13.

The Search for Ray Palmer [2007]: Em busca por Ray Palmer, Donna Troy, Lanterna Verde, Robin Vermelho e um Monitor (Bob) se deparam na Terra 50, lar dos personagens do Universo Wildstorm.

Superboy #01 [2011]: Primeira aparição de Fairchild como integrante oficial do UDC. Conhecida como a Ruiva, a Dra. Fairchild trabalha para a organização conhecida como N.O.W.H.E.R.E.


O grupo Gen¹³


Lynch, Fairchild, Granizo, Queimada, Grunge e Queda-Livre em Gen¹³ #05 [1994]

Gen¹³ é um supergrupo de adolescentes, inicialmente situados no Universo Wildstorm e, tempos depois, na Terra-50 do Multiverso do Universo DC. Eles eram a décima terceira geração de super-humanos "criados" por uma organização governamental conhecida por Operações Internacionais através do Projeto: Gênesis.

Origem

Anos atrás, as Operações Internacionais criaram um "estágio de aprendizagem" para jovens intelectuais. Logo após as manifestações de seus poderes, Fairchild, Roxy Spaulding, Grunge e o disfarçado Threshold fugiram do complexo. Mais tarde, se aliaram a Sarah Rainmaker, a Granizo, e ao Queimada. O projeto foi revelado ser parte de um recrutamento dos herdeiros gen-active do Team 7.

O jovem Threshold induziu o grupo a retornar à base para ajudar outros jovens, mas assim que chegaram foram capturados para novos testes. Com a ajuda de Pitt e John Lynch, os jovens foram capazes de escaparem. Então, eles se refugiaram em La Jolla, Califórnia, oficialmente formando o grupo Gen¹³.

Assim, o grupo passou a viver grandes aventuras durante o tempo em que desvendavam o passado do Team 7, passando a se conhecer melhor. Fairchild e Queda-Livre descobriram serem meio-irmãs, enquanto Lynch revelou ser pai de Queimada. Neste ínterim, Grunge e Queda-Livre passaram a namorar e Granizo revelou ser bissexual.

Entretanto, o grupo se viu em meio a explosão de uma bomba de 6 megatons, sendo dado como morto. Fairchild fora a única sobrevivente e passou a mentorar um novo grupo de Gen¹³. Na verdade, este grupo foi revelado existir em uma realidade similar ao universo Wildstorm, exceto em seu ponto de divergência. O restante do grupo original estavam vivos e, após uma viagem temporal para impedir a "detonação" da bomba que os matara, o grupo se reagrupou na realidade oficial.

Armagedon

Após os eventos de Capitão Átomo: Armagedon, a origem do grupo foi modificada, sendo criada pela corporação conhecida por Tabula Rasa, sob a liderança do sádico Dr. Cross. Caitlin e os outros, na verdade, eram a 13 criação de seres geneticamente criados para uso particular da Tabula Rasa e de seus clientes. Isto foi revelado ao grupo quando foram tirados de suas famílias, que eram empregados da organização. Os jovens, entretanto, escaparam das garras do Dr. Ross e formaram o Gen¹³, mas acabaram se deparando com um mundo futurístico.


Gen¹³: Uma Nova Geração de Heróis

Uma Nova Geração de Heróis - Artigo de autoria de Andrew Harris, publicado na Revista "O Guia dos Quadrinhos - Wizard" #01 - Editora Globo [1996]

A primeira edição de Gen¹³, produzida pelo roteirista Brandon Choi, o desenhista J. Scott Campbell e o arte-finalista Alex Garner, aumentou de valor mais rápido do que qualquer outra revista de linha da Image. Poucos meses depois de seu lançamento nos EUA, a edição de estréia foi vendida a US$30 nas lojas especializadas. Foi feita até uma segunda impressão. Nenhuma outra publicação da editora conseguiu este efeito desde Youngblood #01, que inaugurou a companhia em 1992. Os outros quatro números da minissérie também tiveram um sucesso invejável, o que resultou numa série mensal.

"Na primeira edição, arriscamos bastante", diz Campbell, comentando o sucesso explosivo do título. "Não mostramos nenhum uniforme, os personagens falavam um bocado e não houve muita ação. Quando já havia desenhado metade da história, cheguei a pensar: 'Ih, será que esse gibi vai pro saco? Será que, de tão chato, vai ficar esquecido nas prateleiras?'. Eu sabia que não ia ser um fracasso total porque o nome do Jim Lee estava na capa, mas ninguém imaginava que seria tamanho sucesso. Ainda fico abismado quando vou a convenções e vejo a primeira edição sendo vendida a US$25 ou US$30. Uma loucura!" O sucesso inesperado foi um alívio bem vindo.

A revista teve sua data de lançamento adiada várias vezes por causa do nome, pois o título original seria Gen X, mas entrou em conflito com Generation X, da Marvel. Gen X acabou se transformando em Gen¹³, uma referência à décima terceira geração de americanos representada pelos adolescentes do grupo.

"Cerca de um ano atrás, Jim e eu estávamos revendo as várias revistas de superequipes dos quadrinhos e notamos que o último bando de adolescentes a ter seu próprio título foi os Novos Mutantes, e eles surgiram no começo da década de 80", diz o roteirista e co-criador Brandon Choi. "Jim achou que seria interessante uma nova abordagem voltada para a moçadinha, algo que não tivesse narrativas tão complexas como o material publicado em WildC.A.T.S, Youngblood ou nos títulos da Marvel e DC. Nos inspiramos na revista Leggionnaires, da DC. Fiquei impressionado com esse título e adorei o que estavam fazendo com ele. Foi mais ou menos assim que a bola começou a rolar."

A revista enfoca um grupo de cinco adolescentes: Fairchild, Queda-Livre, Granizo, Queimada e Grunge. Todos eles serviram como integrantes de um experimento secreto do governo com o intuito de ativar superpoderes em humanos. O segredo por trás de tudo é que eles são filhos do Projeto Gen12, que realizou experimentos genéticos em seus pais.

Queda-Livre, a típica gatinha esperta, frequentadora de shopping center, pode levitar a si mesma e aos outros. Queimada e Granizo são dois lados de uma mesma moeda: controlam o fogo e a chuva. Grunge é um motoqueiro tatuado versado em artes marciais, dotado de fator de cura e poder de transmutação molecular. Segundo Choi, "as moléculas em seu corpo alteram sua estrutura para se igualarem à composição do material que ele toca". Por fim, Fairchild, líder da equipe, é uma aluna da Universidade Princeton que, de repente, fica muito mais forte (e maior!) do que quando começou seu "estágio". Agindo como uma espécie de mentor da equipe, está Lynch, o Gen12 renegado do governo que acolhe os adolescentes sob suas asas sombrias. "Fairchild é o cérebro desta equipe", diz Campbell.

Fairchild, como personagem, é outra jogada de sorte da equipe Wildstorm. Por definição, personagens femininos em papéis de liderança não vendem gibis. "Mas não vejo problema algum em ela ser a líder. Adoro desenhar mulheres e, mais ainda, adoro desenvolver personagens femininas. É muita burrice não haver mais mulheres de destaque nos quadrinhos", revela Campbell. "O resultado será muito interessante", conclui Choi.


Outras Mídias

Animação Gen¹³ [1999]

Gen¹³ - Animação [1999]

Fairchild apareceu como protagonista na animação do Gen¹³ (1999) produzida pela Buena Vista Pictures - subsidiária da Disney. Ela fora dublada pela atriz Alicia Witt, que é naturalmente ruiva como Caitlin. A versão animada de Fairchild é similar à sua versão dos quadrinhos, exceto por não ter Queda-Livre reconhecidamente como meio-irmã. Na animação, ela possui poderes telepáticos, além dos outros poderes conhecidos.

Durante a produção do desenho, a Editora Wildstorm fora comprada pela DC Comics, subsidiária da Time Warner. Assim sendo, a Disney decidiu interromper a produção, extinguindo para sempre esta versão animada do grupo.


Nenhum comentário: