19 de nov de 2007

Richard e Koryander - Uma história de amor!

Hoje quero escrever sobre o mais nobre dos sentimentos, para a maioria das pessoas: o AMOR! Não sobre o meu amor ao grupo – esse já foi cantado em verso e prosa – ou sobre o amor fraterno que os mantêm juntos. Quero falar sobre o amor que une o Dick e a Kory. Sobre esse sentimento que foi representado tão magnificamente bem nestas pessoas. Do nascimento ao apogeu, do declínio ao possível resgate – às vésperas de grandes acontecimentos, nem quero imaginar o que possa acontecer com eles! Minto! Pois, na verdade, quero sim pensar nisso, quero os dois juntos, juntos superando, mais uma vez, as diferenças e os obstáculos.
Pensar na história dos dois é recordar minha primeira experiência sobre o amor, nas HQ’s. Mais que isso, esse romance é uma das minhas primeiras memórias sobre esse assunto na infância/adolescência... E confesso, mais uma vez, o quanto eles me emocionaram: no flerte inicial, mesmo sem palavras inteligíveis; no testemunhar o primeiro beijo, com a desculpa esfarrapada de abstrair o idioma (como negar que aquela garota dourada teve atitude?!?); no observar o ciúme mal-disfarçado do Dick, na relação da Kory com o Franklyn; entristecer com o casamento diplomático dela em Tamaran e o desespero de ambos; achar engraçada (às vezes) a pirraça da Miragem; presenciar a tentativa do casamento frustrado, e naquele momento, apressada, deles; sentir um misto de tristeza e felicidade com a escolha da Kory em abandonar os Titãs e se juntar aos Renegados, para auxiliar o Dick.

Foram incontáveis encontros e desencontros na vida deles dois, mas não há como não reconhecer o amadurecimento de ambos, o desabrochar da maturidade: o menino-prodígio, que vivia à sombra do Batman, no homem Dick Grayson/Asa Noturna; a garota alienígena impulsiva, na mulher Kory, buscando entender seu lugar neste mundo, não novo para ela, mas com uma cultura tão adversa da sua.
Um traço marcante nessa história de amor é o romper os paradigmas: um terráqueo que se apaixona por uma extraterrestre e vice-versa. Isso por mais assustador que possa ser para eles, não os impende à explosão dos sentimentos; contudo, o tragicômico (?) é observar, justamente esse fator “diferenças”, como aquilo que racionaliza e quebra o encanto da relação, levando-os a solidão.
As declarações, também, foram constantes no universo deles. Mesmo quando não eram utilizadas as palavras, bastavam apenas os olhares, os toques, os gestos... Durante a comemoração pelo resgate do Vic, quando os dois se reencontram, as palavras subentendidas naquele pequeno diálogo, o olhar cheio de desejo, o toque tímido das mãos... Ou então numa aventura que reconta o surgimento dos Novos Titãs, em que Ravena apresenta a Kory num sonho/premonição ao Dick e diz que “se o amor surgir entre vocês, não tenha medo”. Neste momento, vê-se a importância deles, como casal, em suas histórias pessoais, individuais.
Como citei no inicio, pretendia falar sobre o sentimento que une o Dick e a Kory, um amor que venceu obstáculos, e diferente das novelas, entretanto semelhante à realidade, talvez não se concretize mais de fato, talvez seja apenas para nós, amigos que acompanha essa relação linda, porém conturbada, idealizarmos esse sentimento em sua plenitude de possibilidades e de imperfeições, apenas para recordar como uma das melhores coisas que já presenciamos... Talvez, agora, eles, neste recomeço, permitam que tanto amor rompa os obstáculos e, mais uma vez, venha à tona... Declaro que eu, eu ficaria tão feliz quanto eles...


Autor: Léo Ribeiro

14 comentários:

Tar Aquino disse...

Muito legal, Léo. Conseguiu passar direitinho o sentimento entre os dois. Eu sou fã de carteirinha deste relacionamento. Embora eu tenha gostado muito do relacionamento entre o Dick e a Bárbara (Nightwing Annual 2007), eu prefiro a Kory e ele. Vamos ver como o Winick lidará com isso. Tem uma história em Renegados, onde Dick e Kory estão juntos. Winick é o autor! Ele mostra Dick usando a Kory como fuga! Não gostei muito disso, mas...
Em breve postarei esta imagem neste artigo.

Abraços.

México McVilla disse...

Pra variar, mais uma obra-prima!
Parabéns cara, o seu amor pelos titãs clássicos é sentido em cada palavra sua!
Fico cada vez com mais vontade de ver essa galera em ação! E esses dois juntos!
Parabéns! Vc é um fã nato! heheheh

LUIZ FELIPE disse...

esse texto foi muito interessante igual aos outros que estão sendo postados no blog
eu acho que os dois voltarão já que esse novo grupo dos titãs está sendo baseado no da era wolfman/pérezmas agora seria legal se os dois chegassem a se casar

Anônimo disse...

Muito bom. Esse Asa Noturna não nega a fama que tem mesmo, hehehe. Gosto bastante dele e da Estelar, mas o meu Titã predileto sempre foi o Roy. Alguma chance de fazerem um texto desse tipo com ele e os demais, assim também?

Tar Aquino disse...

Sim, anônimo. Já estão sendo produzidos artigos de todos os Titãs da fase W/P e dos novos Novos Titãs. Toda semana postaremos algum...

Obrigado por prestigiar...

Bebel disse...

Se eles ficassem juntos, creia ou não, eu ia ficar mais feliz que eles! Hahahaha XD

Mas foi ÓTIMO esse texto.

PS: O negocinho de "Vamos aprender o idioma Terráqueo" não colocou a início comigo... Eu jurava que era porque ela tinha achado as pernas dele de fora legais! =p

Anônimo disse...

Richard? não é Dick? putz me sinto um ignorante x_x

Fora isso gostei do texto, e gosto ainda mais do Dick com a Kory, mas as vezes parece novela

Tar Aquino disse...

Dick é apelido para Richard.

Leo Ribeiro disse...

Turma... só posso agradecer os comentários a respeito do texto da Kory e do Dick e reafirmo meus sentimentos: sem querer ser ridículo, mas eles nasceram um para o outro... (tudo bem, fui ridículo... rsrs)!

Tar, obrigado mais uma vez pelo espaço e Anônimo, pode deixar que seu pedido será atendido, (né meu caro Rodrigo?!)

Abraços e Titans Together!!!

México McVilla disse...

Ah claro!
Já está sendo atendido!
Heheheheh

decenauta disse...

Já estou aqui por quase cinco minutos e ainda não encontrei as palavras exatas para expressar a minha gratidão a você, Léo Ribeiro, por me proporcionar uma leitura tão agradável, tão bem elaborada, tão... catártica.
Assim como você, sou leitor das antigas e um grande admirador do casal Kory/Dick. Que o confirme o nosso colega Tarcísio aí, que já trocou algumas figurinhas comigo sobre este assunto antes.
A união destes dois personagens tão magníficos, tão intensos em suas próprias verdades, sempre me foi uma grande referência do amor autêntico, do amor incondicional tão almejado - e muitas vezes não consumado - por todos nós.
Sem nenhum receio de soar ridículo neste momento, assumo com a maior tranqüilidade o fato de que estes dois, Koriand'r e Dick Grayson, são os maiores responsáveis pela minha fé inabalável no amor entre as pessoas. Acompanho a trajetória dos dois desde os meus nove anos e, hoje, com 31, ainda tomo isso como referência desse sentimento tão inexplicavelmente único. Você soube expressar bem esse aspecto existente entre eles em seu texto, Léo, e acabou por me fazer refletir sobre muitas coisas nos últimos 20 minutos destes quase 32 anos.
Mais uma vez, muito obrigado pela leitura e os meus sinceros parabéns pela obra.

Christopher

Kory & Dick 4ever!

Leo Ribeiro disse...

Christopher, agora fiquei sem palavras! Obrigado pelos elogios e sempre é muito bom poder falar com fãs como você!

Agradeço mais uma vez!

Tar Aquino disse...

Verdade... O DCNauta é um grande e antigo amigo. Desde 2003 conversamos sobre os Titãs... E foi ele quem me apresentou ao Comicbloc...

Vc poderia escrever algo, hein, Juan?!
Abraços.

Lily disse...

Nossa aaaaaameeeiiiii o texto! UQeria saber escrever todas essas palavras dificeis que nem vc!

Eu amo a Estelar....foi tipo personagem rpeferida a primeira vitsa...agradesso até hoje a minha prima por em apresentar aos TT!!!ahsuahsuahsuahsua

Bem, desde então tive muito interesse por eles...e cok um grande sonho de serr uma escritora famosa algum dia fiz fic's.....no momento estou fazendo uma song fic sobre eles....e com mais um grande sonho de fazer Flor, minha personagem, entrar para as HQs....

Porque vocês num fazem um post sobre os persongenms inventados,...porque todos os que criam é porque tem um grande amor pelos TT...e não é nada mais do que sonhar e viver a hsitorias deles crinado um perso para si. assim como eu fiz....

bjinhuxx