9 de jun de 2010

Especial - Rapina & Columba - Parte 4

Cuidado! O artigo abaixo contém SPOILERS.

Em BLACKEST NIGHT #02 (Noite Mais Densa), inúmeros anéis de poderes negros tentaram reanimar o corpo de Don Hall. Entretanto, foram impedidos por uma barreira invisível que protegia seu túmulo. Assim que colidiam com essa barreira, o comando típico dos anéis ("emerja") eram interrompidos; Os anéis, então, respondiam: "Don hall da Terra está em paz.". Esta foi a primeira falha dos anéis ao recrutar um membro para a Tropa dos Lanternas Negros. Em uma entrevista para o site IGN, Geoff Johns comentou sobre o argumento para este fato:

Vocês descobrirão o porquê de Don ser imune no futuro. Entretanto, isso se deve ao fato da verdadeira natureza do herói; Ele jamais poderia ser tocado por tipos como aqueles seres; Ele é intocável pela morte e está em paz total, mais que qualquer ser no universo.


Embora Don ter rejeitado os anéis negros, o corpo de seu irmão, Hank Hall, aceitou com grande humor, dizendo: "O velho, velho de sempre, hein, mano? Como sempre, o Rapina terá que fazer o trabalho sujo sozinho.".

Em BLACKEST NIGHT: TITANS #01, Rapina surpreende Holly e Dawn Granger em uma Biblioteca. Para atraí-las até lá, ele espalhou pombos e gaviões mortos pelo chão. Assim que ele ataca, Dawn argumenta que ele não é quem diz ser, pontuando que o verdadeiro Rapina saberia que ela é quase impossível de ser atingida. Ao mesmo tempo, percebe-se que Hank não é capaz de ler as emoções de Dawn, pois sua aura é completamente branca, diferente das outras cores do espectro. Holly, por sua vez, não é capaz de enfrentar seu antecessor, que acaba extirpando seu coração, transformando-a em uma Lanterna Negra. Assim, os dois Lanternas Negros passam a caçar Columba, que acaba se dirigindo à Torre Titã, em busca de ajuda.

Lá, ela percebe que vários Lanternas Negros Titãs estão atacando os membros do grupo. Quando Holly tenta arrancar o coração da irmã, uma rajada de energia branca se irradia do corpo de Columba, interrompendo a conexão entre o anel negro e a Rapina. Em seguida, Dawn direciona a luz para os outros Lanternas Negros, destruindo a todos, exceto os Lanternas Negros Terra, Tempest e Rapina (Hank Hall). Isso faz com que ela desmaie de cansaço. Enquanto inconsciente, ela tem a visão de Don dizendo que ela tem o poder de salvar Hank e que ela não pode desistir dele.


Logo em seguida, o grupo se alia à Liga da Justiça contra os Lanternas Negros, em Coast City. Lá, Dawn é capaz de destruir vários zumbis apenas com sua presença. Em meio ao confronto, Barry Allen - o Flash - testemunha a luta da Columba contra o exército de zumbis e percebe que ela possui a "luz branca da criação", como mencionado por Índigo-1 - membro da Tribo Índigo. Acredita-se que esta luz seria criada pela combinação dos sete poderes do espectro emocional. Então, o Flash ordena a todos os heróis próximo à Titã que a protegessem a qualquer custo, notando que ela seria a chave para a vitória contra os Lanternas Negros. Concomitantemente, a energia branca de Columba é totalmente arrancada dela em direção à Bateria Central de Poder dos Lanternas Negros, aparentemente sendo presa em seu interior. Em seguida, é revelado que quem estava dentro da bateria era o Anti-Monitor, que estava desaparecido desde a Guerra dos Anéis. Então, Columba ajuda as sete tropas a derrotar a entidade cósmica.

Em TITANS #23, é revelado que Holly não está entre os heróis que foram ressuscitados logo após o fim da crise da Noite Sombria. Assim, uma estátua em sua memória foi posta na Torre Titã, em São Francisco, bem ao lado de uma de Tempest.

Dentre os heróis ressuscitados, Hank Hall voltou à sua identidade heróica de Rapina, aliando-se, mais tarde às Aves de Rapina, como visto em BIRDS OF PREY #01 [2010].

Continua no futuro...

Nenhum comentário: